31/07/2009

BENFICA A ÚLTIMA OPORTUNIDADE


SL. BENFICA

Entradas

David Tavares (Pilotes Posada)

Nuno Roque ( Sporting)

Ricardo Candeias (FC. Porto ???)

Saídas

Nicola Miricki (ninguém sabe onde para)

Edgar Madureira( sem clube)

Nuno Silva ( Sp.Horta)

O Benfica este ano fez por assim dizer até ao momento uma contratação sonante e de inegável qualidade, que é David Tavares. Com a saída de Miricki, aliás uma saída muito estranha, que deveria ser explicada pelo clube, fica Jerónimo para o lugar. Por isso o ingresso de David Tavares suplantar essa saída, e atrevemo-nos a dizer que será fácil esquecer a saída do atleta. Tavares vai agarrar o lugar e certamente não mais o vai largar.

Nuno Roque poderá libertar Carneiro, contudo acreditamos que não vai ter um papel tão activo nos momentos decisivos porque José António não abdica muito da sua equipa base, não premiando rotatividades nem gestão de plantel. Nuno Roque poderá ser aquilo que foi Edgar Madureira, um jogador muito interessante, mas sem grande oportunidades no jogo. A ver vamos.

Ricardo Candeias, a confirmar-se a contratação será um excelente reforço, e fará grande oposição a Ferreirinho. Acreditamos mesmo que se estiver em forma, poderá arrancar o lugar ao actual guarda redes dos encarnados, dado ser um GR mais completo, excelente exímio na reposição rápida de bola em jogo.


O plantel do Benfica ganha maior equilíbrio com a entrada de Tavares e com a eventual entrada de Candeias que proporcionará maior competitividade na luta pela baliza encarnada. Contudo consideramos que falta concorrência a Cláudio Pedroso, que é um excelente jogador mas necessita de ser picado, para render mais. Existe Luis Gomes, mas num jogo de intensidade elevada é um atleta que não aguenta. Isto porque do lado esquerdo tem soluções vindas dos juniores (Pavel Tsiunchyk).Apesar de faltar experiência a nível sénior. A mesma que deveria ter sido dada na época anterior.

O Benfica tem uma equipa base bastante forte, mas não tem ainda muitas soluções de recurso para colmatar eventuais lesões.

A nova estrutura técnica/organizativa com a entrada de Carlos Cruz, poderá trazer maior “profissionalização” ao andebol benfiquista, mas não acreditamos em muitos milagres. Contudo como conhece bem os bastidores do andebol nacional, e como tudo se orienta, poderá ter um papel mais importante do que um reforço do plantel senior. O nosso andebol ainda joga muito fora do campo.


Este será um ano decisivo para José António Silva, dado que na época anterior ganhou apenas a Taça da Liga, prova sem grande significado. Este ano com um investimento financeiro em David Tavares, José António joga a sua cartada final. A sua autoridade dentro da gestão da equipa tem que ser mais notada.Contudo não estamos muito crentes no resultado final, dado que na época passada vimos um Benfica muito individualista e pouco sistematizado. Vive muito à custa dos momentos dos atletas (Carneiro e Zaikin). E isso não é suficiente, ainda mais este ano em que Porto e Sporting apostam tudo.

Este ano acreditamos que será o afirmar de um atleta em especial, João Antunes, um atleta que quanto a nós será junto a José Costa os pivots da selecção nacional por muitos anos.

O Benfica quanto a nós tem junto com Porto e Sporting a “obrigação” de serem campeões, dado o investimento e as condições que possuem. Claro que só um vai conseguir. Depois veremos as repercussões do sucesso de um e o consequente insucesso dos outros.

BELONE MOREIRA EM DIRECTO NA TSF

Verificação ortográfica
Mais um atleta do andebol entrevistado pela TSF. Desta vez BELONE MOREIRA do Belenenses.

Achamos interessantes estas rubricas da TSF, por isso partilhamos com vocês.

Aqui fica o link.

30/07/2009

O MAIOR CANDIDATO

Iremos fazer a nossa análise aos clubes do PO01.

Reforços, dispensas, expectativas para a nova época

Faremos pela ordem de classificação da época 08/09

FC PORTO

Entradas

Obradovic (técnico ex Lovcen Cetinje)

Dario Andrade (ABC)

Pedro Spinola ( Belenenses)

Nuno Grilo (S.Bernardo)

Filipe Martins (S.Bernardo)

Saidas

Manuel Arezes (termina carreira)

Martingo (S.Bernardo)

Candeias (Benfica ??? - a confirmar)

O Porto este ano fica sem sombra de duvidas com uma equipa mais completa. Com a entrada de Dario Andrade, liberta.-se Wilson para outras posições, nomeadamente central ou lateral, onde ele está mais acostumado a jogar. Por isso podemos dizer que ganham-se dois jogadores que nas suas posições de raiz podem dar maior rendimento à equipa. Dario nestes ultimos anos demosntrou ser um dos melhores atletas portugueses, mantendo sempre elevado nivel nas suas performances. Por isso a sua entrada no Porto traz qualidade, ambição e muita velocidade.

Nuno Grilo depois de uma excelente época, tem na próxima época o seu maior desafio. Numa equipa mais competitiva e com objectivos sem sombra de duvida mais ambiciosos, Grilo vai ter que puxar dos seus galões e assumir-se como jogador de top nacional. Com isto ganhará o porto que fica com mais soluções e ganha a selecção que começa ter um jogador mais completo e mais maduro em alta competição. Certamente irá viver em muitos momentos na sombra de Eduardo Filipe, mas aprenderá sem sombra de duvida muito com ele. Acreditamos que será muitas vezes “empurrado” para central. A ver vamos.


Pedro Spinola outro atleta interessante, que junto com Inácio Carmo vão proporcionar um duelo interno interessante. Ambos tem características semelhantes por isso esta competição interna irá ser salutar dado que faz com que a exigência e competitividade seja mais elevada.

Filipe Martins regressa ao Porto depois da experiência em Espinho e S.
Bernardo. Agora mais maduro estamos certos que vai fazer frente a Tiago Rocha que necessita de competição mais “feroz” na sua competição para não relaxar no “estrelato”.



O Porto com a saída de Arezes e Martingo, perde raça e experiência, mas estamos convictos que a ambição dos reforços e a sua vontade de vencer serão trunfos suficientes para suplantar estas duas saídas. Aliás Martingo com a entrada de Grilo, e com o libertar de Wilson ficou sem grande espaço de manobra.

A mudança de técnico quando a nós não será muito benéfica. Acreditamos que Resende estava-se a tornar num técnico de qualidade, e a sua experiência, maturidade e acima de tudo a sua forma correcta de encarar o desporto e a vida poderiam ser bons trunfos para o FCP. Contudo verificamos que neste desporto esses atributos infelizmente não são valorizados.

Não estamos muito crentes em Obradovic, primeiro porque vai ser o primeiro ano no Dragão, e apesar de conhecer bem a realidade do andebol português, Obradovic não é um técnico de qualidade indiscutível. Sabemos que no ISAVE as coisas não correram bem por diversos motivos, mas…

A sua rigidez e frontalidade podem ser trunfos, dado que alguns atletas são algo mimados, mas estamos reticentes quanto ao resultado final. Luís Graça desempenhará um papel importante nesta ligação técnico/atletas.

Com esta aposta o porto tem a “obrigação” de ser campeão nacional Se o foi na época passada, este ano com um plantel mais equilibrado na teoria tem que ser. Magalhães jogou a sua ultima cartada com esta aposta, e acreditamos que a sua continuidade depende do sucesso deste técnico/equipa.

Este ano acreditamos na afirmação de Laurentino e de Ricardo Moreira como atletas de top nacional.

DAVID TAVARES REFORÇA BENFICA



É certo aquilo que especulava já a algum tempo.

David Tavares é reforço do Benfica, assinando um contracto em principio de 3 anos.

O técnico do Pilotes Posada confirma e refere que Tavares teve uma proposta muito boa do Benfica.

Com este reforço o Benfica posiciona-se na linha da frente na luta pelo titulo, que no nosso entender é uma obrigação tendo em conta o plantel, e tendo em conta o investimento feito. Depois de apenas ter ganho a taça da liga na época transacta o Benfica tem obrigação de fazer bem melhor.

A ver vamos.

Da nossa parte saudamos David Tavares dado que é sempre bom os jogadores de qualidade regressarem ao seu país para assim elevarem a qualidade do andebol nacional.

29/07/2009

DARIO ANDRADE EM DIRECTO NA TSF


Consideramos interessante colocar esta entrevista radio no nosso blogue.


Algumas ideias de Dario Andrade

Melhor Jogador Mundo - Nicola Karabatic ("Karabic" segundo o jornalista)
Melhor Jogador Portugues - Ricardo Costa
Sonho - Ir aos jogos Olimpicos

O FIM DE UM CAMPEÃO EXEMPLAR

43 ANOS DE IDADE - 24 ANOS NO ANDEBOL

11 TÍTULOS CAMPEÃO NACIONAL, 5 CLUBES, 150 INTERNACIONALIZAÇÕES


Tínhamos prometido fazer um artigo sobre Carlos Ferreira, não o fizemos mais cedo por manifesta falta de tempo, dado que estes artigos sobre fins de carreira necessitam sempre de um cuidado especial.

Carlos Ferreira quanto a nós significou sempre aquilo que consideramos um atleta exemplo. Extremamente correcto, defensor das suas causas e um lutador até ao fim.

Termina a carreira aos 43 anos, diga-se na altura ideal, apesar de que se não fosse a lesão, estamos convictos que ainda jogaria mais 1 ou 2 anos. Mas a idade começa a pesar e as lesões não perdoam.

Fermentões, Desportivo Francisco de Holanda, ABC, Sporting e F. C. Porto foram as suas camisolas, e as suas famílias, tendo obtido 11 títulos de campeão nacional e foi internacional sénior por Portugal em 150 vezes.

No seu ultimo jogo pelo Sporting temos a imagem de Carlos Ferreira encostado a um dos postes a chorar como uma criança,depois de vários anos de leão ao peito.

Muito poderia haver para dizer sobre este exemplar atleta que sempre serviu de exemplo para os que iniciavam a actividade no andebol, e para os atletas mais novos dos planteis onde estava inserido. Mas vamos deixar um episódio que retrata muito daquilo que é Carlos Ferreira.

Em tempos Fernando Correia, autor de um livro que comemora os 100 anos do Sporting e reputado jornalista escreveu entre outras coisas as seguintes afirmações:

"já não há tempo para amar a camisola",

"se não pode pagar acaba com as modalidades"

"os atletas é que não querem competir por amor ao clube, como antigamente".

Esse livro saiu já com Carlos Ferreira no ABC, e quando este leu estas afirmações, com a sua conhecida atitude, escreveu um artigo de resposta, que consideramos de alto nível, demonstrando aquilo que é, quanto a nós um dos mais transparentes, e frontais comentários à realidade portuguesa.

Passamos a transcrever a resposta.

"Como sportinguista, ex-atleta e ex-capitão do Sporting, quero expressar o meu lamento pelas palavras do jornalista, escritor e sub-director do jornal do Sporting. E pergunto: Acabar com as modalidades amadoras do Sporting porquê? Será que o orçamento das amadoras dá para pagar sequer a um jogador de futebol profissional? É que profissionalismo não é só um estatuto, mas sim uma maneira de estar e sentir o desporto que se pratica. Ou será que profissionalismo é insultar o treinador, não cumprir os regulamentos internos do clube e dizer que não se quer jogar ou dizer que não reconhecem o seu valor no clube porque se ganha pouco? Sem querer generalizar, e falo por experiência própria, pelos 20 anos de andebol sénior, onde fui campeão em todas as equipas, ter amor à camisola é jogar lesionado, com entorses, fracturas, gripes, febres, hérnias ou lesões que tais e, já agora, devo dizer que mialgias não existem no vocabulário das amadoras. Ter amor à camisola é viajar no próprio dia do jogo, fazer viagens de horas intermináveis, desde avião, comboio e autocarro numa só deslocação, comer no McDonald's de madrugada e sob temperaturas negativas ao ar livre, porque nada mais há e levar comida de casa. Ter amor à camisola é dormir em hotéis duvidosos, sem aquecimento, sem água quente, com lençóis comidos por baratas e sabe-se lá que mais e ter, por isso, de dormir vestido. Tudo isto em vez de termos voos charter, hotéis luxuosos e cozinheiro particular. Se isto não é amor à camisola, então não sei o que é?", disse, de uma assentada, o internacional A português, que continuou praticamente sem se deter: "Se calhar, e digo se calhar, é por pessoas como este senhor que o nosso belo país tem a mentalidade e cultura desportiva que tem, já que tudo é futebol em Portugal, onde se fazem todos os sacrifícios apenas para se levantarem belos e estrondosos campos de futebol. Mas este é um país onde as amadoras trazem títulos e medalhas que não vale a pena enumerar por serem muitas e do conhecimento geral, e no qual as federações têm de pagar às televisões para que os jogos dos que têm amor à camisola sejam transmitidos, seja na TV pública ou não e muitas vezes nem assim...".
"Nestes longos e bons 20 anos, eu e outros atletas, com família constituída, estivemos vários meses com salários em atraso e nem por isso viramos a cara ao clube e ao emblema que representávamos, sem greves, sem rescisões, mas sim com dedicação e respeito pela camisola que vestíamos e fomos campeões". Para o guardião do ABC, de 39 anos, "ter amor à camisola é treinar duas/três vezes por dias, ter oito treinos por semana e fazer nove ou dez jogos por mês. Não é só beijar o símbolo. É senti-lo, sofrer e viver por ele".

“Desde já me retrato por qualquer incorrecção da minha parte e queria pedir-lhe que reveja a sua posição, que respeite mais as modalidades amadoras e o verdadeiro amor à camisola. E sim ao ecletismo no Sporting e em todos os outros clubes! Ai se eu pudesse...".

Com isto não há muito mais a dizer sobre a pessoa, e sobre o grande jogador que foi Carlos Ferreira. Ficamos contentes com o facto de Carlos Ferreira assumir o cargo de técnico-adjunto dado que os conceitos que vai transmitir à equipa são demasiado importantes, e são conceitos que já se vão perdendo na actual sociedade.

Garra, humildade, e espírito de sacrifício é algo que não se compra…

Consideramos que seria interessante a FAP criar um jogo de final de época, do género jogo das estrelas para que estes atletas que terminam as suas ilustres carreiras possam ter o reconhecimento final público por um esforço realizado sobre uma vida dedicada à modalidade. Era uma boa oportunidade para o andebol uma vez mais se unir.

Ou mesmo na acção que vai decorrer no Europarque onde todo o andebol está reunido, no meio de tanta teoria, existisse uma sessão de entregas de "medalhas de mérito" a atletas que elevaram a qualidade do andebol nacional. E não faltam nomes para tal, Ricardo Andorinho, Filipe Cruz, Rui Almeida, Carlos Ferreira, Carlos Resende, Pedro Gama, Miguel Fernandes, Manuel Arezes, Paulo Faria, etc…

Para finalizar, por tudo o que Carlos Ferreira fez pelo andebol, apenas podemos dizer MUITÍSSIMO OBRIGADO....

27/07/2009

CLASSIFICAÇÃO ÁRBITROS 08/09

Com o comunicado final da arbitragem publicado no site da FAP, saltam-nos logo à vista várias situações que consideramos de real interesse uma análise mais detalhada.

Vamos colocar por tópicos

  • ANTÓNIO GOULÃO

Tendo em conta que não comunicou oficialmente até ao final da época desportiva activa que ia abandonar a carreira de árbitro, ficou sempre na ideia que Goulão iria continuar, existindo duas hipóteses. Ou algum arbitro já com experiencia iria fazer dupla com Goulão, ou então iria fazer dupla com uma jovem promessa. Ora nem uma nem outra. GOULÃO vai terminar.

Falta fazer a despedida que sem sombra de dúvida merece. Sempre autoritário, algumas vezes em demasia, GOULÃO, mesmo assim demonstrou durante largos anos ser o ARBITRO NACIONAL com maior qualidade. Por tudo isto existe alguma surpresa com esta decisão, pensa-se que imediata…

  • AVALIAÇÃO IRREAL

Ao olharmos para a avaliação que foi feita aos árbitros podemos constatar algumas situações. Primeiro que as avaliações são feitas na sua grande maioria por observadores que pactuam com compadrios e afilhados. Isso é publico e evidente nos mais variados pavilhões fim de semana após fim de semana. Mas com esta tabela que foi apresentada pela FAP, essa ideia torna-se em evidência. As avaliações finais devem estar de acordo com o que se vai desenrolando no ano, em que as nomeações devem ser escolhidas conforme a performance demonstrada pelas duplas. Consideramos que tal não é feito. E sabemos que esta avaliação é de acordo com os jogos da FAP ignorando-se quanto a nós os mais importantes, ou seja os da LPA, talvez por isso esta avaliação esteja desvirtuada da realidade.

Senão vejamos:

  • Como é possível Caçador aparecer apenas na 6ªposição. Será assim uma diferença tão grande de Nicolau para Caçador, em que um fica em 1º e outro em 6º. Mas grave ainda será que os árbitros que ficaram entre o 2ºe o 5º lugar são melhores que Caçador. Goulão nesta altura talvez, mas os restantes nem por sombras.

  • Tomás e Branquinho em 3º e 4ºrespectivamente. Como é possível? Será esta dupla melhor que Duarte SANTOS, Ricardo Vieira, Flávio Carvalho, Ricardo Vieira, Carlos Capela, Bruno Rodrigues, João Malhado, Daniel Martins, Roberto Martins, etc? Nós acreditamos vivamente que não. Que jogo importante arbitrou este ano esta dupla? Isto porque com uma avaliação tão boa pressuponha à partida um número elevado de jogos de risco e exigência elevado. Pelo menos deveria ser assim.

  • Não entendemos que com esta classificação nas finais dos campeonatos nacionais tenham sido escolhidos na sua maioria os mesmos árbitros, não se dando usufruto das classificações.

  • Aonde estão Daniel Martins e Roberto Martins? Não foram avaliados? No portal da FAP conseguimos facilmente visualizar nomeações para esta dupla.

  • E os observadores, quais os critérios de avaliação. Com o resultado destas avaliações podemos concluir que os critérios de avaliação devem ser bastante díspares de observador para observador, Aliás em muitos casos temos mesmo dúvidas se são adoptados critérios, tendo em conta a relação às vezes até mesmo familiar entre observador e dupla de arbitragem.

Estas são algumas das nossas dúvidas, mas certamente existirão muitas outras.

Muito em breve escreveremos um artigo sobre o pagamento, ou melhor sobre o não pagamento aos árbitros. Uma situação que pouco beneficia a classe de arbitragem que muitas vezes não recebendo acaba por ter custos pra ir arbitrar. Se calhar só possivel num pais como o nosso.

Exige-se profissionalismo e rigor e oferece-se amadorismo e desrespeito. Assim não meus senhores

SITE DA LIGA OFFLINE


Vai ser já no próximo dia 31 de Julho que o site da LPA vai ficar offline, ou seja vai desaparecer.

Não havia outra solução, tendo em conta o "desaparecimento" da LPA, mas ficamos com pena, porque durante a sua existência o site da LPA, demonstrou ser um excelente meio de comunicação.

Sempre afirmamos que a nível de marketing, a LPA dava lições à FPA, e mais concretamente a nível de site, a LPA demonstrou ter uma ferramenta ajustada, e extremamente útil.

Desde os banners promocionais aos jogos, e mesmo aos patrocinadores, passando pelas estatisticas completas aos jogos, chegando às entrevistas aos jogadores, enfim um sem numero de situações que tornam o site da LPA o melhor site de andebol nacional.

O serviço de Clipping proporciona aos amantes do andebol uma maior facilidade de procura de conteúdos da nossa modalidade. E agora vai acabar.

Lançamos o repto à FPA, porque não colocar no seu site, este serviço. Sabemos que tem um custo residual, mas de extrema utilidade para quem gosta do andebol.

Temos pena que o andebol vá perder este excelente site, porque sempre que o andebol perde algo de tanta utilidade, é mau para a modalidade, é mau para os amantes da modalidade, e é mau para a divulgação do desporto em si.

Pode ser que a FAP tire algumas ideias do site da LPA e adeqúe para o seu site...

22/07/2009

COMPETIÇÕES EUROPEIAS 09/10

Aqui estão os adversários das equipas portuguesas nas competições europeias . Da liga dos campeões os adversários já foram divulgados a algum tempo.

LIGA CAMPEÕES

FC Porto vs Tatran Presov (Eslováquia) e Vive Kielce (Polónia), na pré-eliminatória.

EHF

10ou11/10 e 17ou18/10

Benfica vs H/C Tbilisi (Geórgia) e Kouroushi Proodevtikos Paphos (Chipre)

TAÇA DAS TAÇAS

14ou15/11

ABC vs Cyprus College (Chipre)

TAÇA CHALLENGE

Sporting só ficará a conhecer o adversário no sorteio que se realizará a 24 de Novembro,

Xico Andebol integrado no Grupo D

Inicio 10ou11/10

HC Berane (Montenegro), H.C. Tineks Prolet Skopje (Macedónia) e Olympia HC (Inglaterra).


LIGA CAMPEÕES

Madeira SAD teve entrada directo e está inserido no Grupo B, onde terá como adversários o Maliye Milli Piyango SK (Turquia) e T+A/VOC Amsterdam (Holanda).

TAÇA EHF

3 ou 4/10 e 10 ou 11/10

Colégio de Gaia vs HK A/S (Dinamarca)

TAÇA DAS TAÇAS

31/10 ou 11/11

Gil Eanes vs VfL Oldenburg (Alemanha)

TAÇA CHALLENGE

31/10 ou 11/11

Colégio João de Barros vai jogar com o 2º classificado do

Grupo A - Round 1

(HC Dnepryanka Kherson / G.A.S. Megas Alexandros / HC Zito Prilep / Astra HC).

19/07/2009

MELHOR COMENTÁRIO

Não temos nenhuma rubrica para o melhor comentário que nos surge aos nossos artigos, mas tendo em conta que temos vindo a ser confrontados com um cada vez maior numero de comentários de qualidade, vamos, sempre que acharmos conveniente, publicar esse comentário com a rubrica MELHOR COMENTÁRIO.

Damos assim mais uma vez voz a todos os que, de forma anónima ou não, deixam o seu contributo no ANDEBOLMAIS.

"O Andebol português é sui generis.

Andam os profissionais por fora e os restos a treinar.

Donner, Paulo Pereira, Nicolay, Resende vão ficar fora da 1ª divisão e andam os Nuno Santos (que é segurança numa empresa), Oscar de Freitas (Prof. a tempo inteiro numa Escola), Jorge Rito (professor e coordenador numa Escola) etc a treinar equipas que se querem confrontar com Benfica, Porto e Sporting.

É ridiculo.

Em Espanha isto era impossivel. "

Comentário inserido por anónimo na noticia ESTÁ QUASE... de 16 Julho

Nem Cadenas, nem Andersson, nem Donner, mas sim ...OBRADOVIC

Falhamos na escolha, ganhamos na troca de ideias...

Tínhamos informações de que Cadenas poderia ser o escolhido pelos responsáveis portistas para substituir Resende. E demos credibilidade a essa tese, dado que a saída de Resende pressuponha quanto a nós a entrada de um técnico de craveira nacional e internacional.

Isto porque a nível interno acreditamos que não é necessário um técnico de excepcional qualidade para obter resultados dado que a equipa tem elevada qualidade, mas acreditávamos que o Porto iria apostar numa boa campanha internacional.

Por isso Cadenas caía que nem uma luva. Raça, atitude à Porto e experiência num dos melhores clubes do mundo, e numa das melhores ligas de andebol do mundo. Sempre achávamos "areia de mais" para o "camião porto", mas acreditávamos que os dirigentes portistas iriam brilhar. Ainda mais quando é para substituir um atleta e técnico de grande notoriedade no clube, como Resende.

Depois apostamos tudo em Cadenas, porque com ele o andebol nacional ganhava notoriedade, qualidade e um maior interesse internacional. Mas perdemos esta nossa aposta, infelizmente. Mais uma vez o andebol sai a perder.

Nos últimos momentos Donner era hipótese, mas existiam muitos anticorpos que infelizmente não aceitariam esta opção. Apesar de sabermos que Pinto da Costa gosta sempre de picar o eterno rival Benfica. esta era mais uma excelente oportunidade.

Por tudo isto Obradovic estava longe de ser opção para nós. Acreditávamos numa opção de qualidade inquestionável. Mas mais uma vez os dirigentes portugueses fizeram das suas...

A cúpula portista ficou ainda mais dividida com esta escolha, agora o tempo irá fazer prevalecer a continuidade de algumas pessoas no clube, e na validade desta opção.

Mais uma vez relegaram para segundo lugar o que é nacional(Resende, Paulo Pereira, etc), e valorizamos o que é estrangeiro(Obradovic, Olsson,etc). É a sina do nosso país.

Terminamos deixando alguns pontos de interesse sobre o técnico escolhido.

Lovcen Cetinje - Taça do Montenegro


Madeira Sad- Saiu a meio de época por problemas no seu país


Belenenses - Campeão nacional

Comércio e Indústria


Jugoslávia- Adjunto de Pokrajac- Medalha bronze França 01.


Não iremos fazer grandes considerações sobre a capacidade do técnico. Vamos dar tempo ao técnico para avaliarmos.

16/07/2009

ESTÁ QUASE...

Cadenas pretende abrir su futuro al extranjero

EFE - 13/06/2009 11 : 48

León, 13 jun (EFE).- El ex entrenador del FC Barcelona Borges Manolo Cadenas no descarta iniciar su aventura en los banquillos fuera del balonmano español, después de desvincularse de la disciplina del conjunto catalán mediada la temporada, tras poco más de año y medio, y ser sustituido por su segundo, Xavi Pascual.

El técnico leonés podría entrar en los planes de la selección de Bahrein. El actual seleccionador portugués, el sueco Matt Olsson, planteó esta posibilidad a Cadenas, que espera noticias de los responsables del país del Golfo Pérsico.

Fonte: www.efe.es

http://www.elconfidencial.com/cache/2009/06/13/68_cadenas_pretende_abrir_futuro_extranjero.html


Será preciso traduzir?

Estejam atentos à semana de 18 a 25 Julho.

Apenas não entendemos a relação de Matts Olsson com a selecção do Bahrein.

No mínimo estranho…

15/07/2009

VOTAÇÃO MELHOR SITE INFORMATIVO ANDEBOL


Até dia 1 de Agosto as votações continuam. Deixem o vosso contributo...